Mudanças - Capitulo 42

Sophia acordou no dia seguinte com risadas vindo da sala, olhou pro relógio, 11:37 da manhã, tinha superado um dos records. Se levantou e foi até a sala, riu ao ver Daniella encima de Micael brincando com ele.

Dani fazia caretos no rosto do pai com as pequenas mãozinhas. Sophia riu mais ainda quando Daniella colocou os pequenos pezinhos dela no rosto do pai.
Micael: Ai filha que chulé.
Dani riu junto com Micael.  Sophia observava a cena desde a porta rindo. Micael se  virou e viu a esposa.
Micael: Olha só quem acordou Dani.
Daniella correu até a mãe.
Dani: Mamãe!!
Sophia: Bom dia princesa.
Mãe e filha se abraçam e Sophia pega Dani no colo. Micael se levanta e vai até elas.
Micael:  Bom dia amor.
Sophia: Bom dia vida.
Micael e Sophia se beijam. A campainha toca.
Sophia: Quem será?
Micael: Ta esperando alguém?
Sophia: Não que eu saiba.
A loira caminha até a porta com a filha no colo, vira a chave e abre a porta.
Sophia: Você de novo?
Andréia: Bom dia pra você também maninha.
Sophia: Retira o que você acabou de falar.
Andréia: Desculpa eu só queria ser carinhosa.
Sophia: Guarda esse seu carinho para outras pessoas porque eu não preciso.
Andréia: Posso entrar?
Sophia: Pode.
Sophia deixa que Andréia entre.
Andréia: E você princesa como esta?
Dani: Bem, quem é vuce?
Andréia: Eu sou a tia  Andréia, irmã da sua mamãe.
Dani: Tia Andléia?
Andréia: Isso, me da um abraço pequena?
Sophia: Dani vai brincar no seu quarto.
Sophia põe a filha no chão. Micael já não estava na sala.
Andréia: Cadê o Mica?
Sophia: Você veio até aqui pra falar com o meu marido?
Andréia: Não, claro que não. Eu fiquei sabendo, bom a mamãe me contou que daqui ums dias é o aniversario da Dani.
Sophia: E?!
Andréia: E eu quero que você saiba que pode contar com a minha presença.
Sophia: Andréia você não acha que se eu quisesse que você estivesse na festa eu não ia te convidar?
Andréia: Sim mas eu achei...
Sophia: Você acha muita coisa.
Andréia: Sophia eu só queria...
Sophia: Você queria nada. Você quer sair da minha casa agora.
Andréia: Não precisa falar assim comigo.
Sophia: Você quer que eu fale como?
Andréia: Bem, como antes a gente falava.
Sophia riu debochada.
Sophia: A gente nunca se falou bem Andréia. Ou você não se lembra?
Andréia: Sophia, para com isso.
Sophia: Sabe qual era a nossa única comunicação? As brigas, os tapas, as feridas, as marcas. Você quer mais exemplos ou esses são suficientes?
Andréia: Deixa pra lá, eu já to indo mesmo.
Sophia: Acho bom.
Andréia caminha até  a porta e vai embora. Sophia suspira e vai até o quarto da filha.
Lá ela vê a pequena brincando com o pai.
Micael: E?
Sophia: Foi bom.
Micael: Certeza?
Sophia: Uhum. Eu não quero falar mais sobre isso Mica, pode ser?
Micael: Sim,claro,  eu respeito.
Micael da um beijo na bochecha da esposa. Dias iam se passar e ele estava  cada vez mais perto.

5 comentários: