Opostos - Capítulo 19 - Segunda Temporada

João: quero 1 milhão! - Ele disse ao telefone
Mica: só vc falar o lugar
João: aqui em Queimados, tem um terreno baldio, vai ser lá.

Mica: ok imagino onde seja
Soph já nervosa precisava falar.
Soph: e a Malu, deixa eu falar com ela!
João: quantas pessoas estão ouvindo essa conversa?
Mica: meus sogros, eu e minha esposa.
João: vcs não vão falar com a garota não
Soph: por favor, eu preciso da minha pequena.
João suspira.
João: Malu corre aqui!
Ela sempre sorridente vai ate o homem.
Malu: o que foi?
João: sua mamãe! -ele estendeu o celular e a menina pegou rapidamente
Malu: mamãe?
Soph: filha, vc ta bem? Ele te machucou?
Malu: tô bem mamãe, ele disse que eu vou ver a senhora daqui a pouco.
Soph: vai sim meu amor.
Ela chorava muito.
Malu: mamãe ta chorando?
Soph: não filha.
*João:agora ja chega.
Malu: tchau mamãe
Soph: bjo meu amor, mamãe te ama.
Ele pega o celular.
João: em queimados, as 16hrs, não se atrase.
Ele desliga e Soph foi abraçada pela familia.
Mica: viu amor ela ta bem!
Soph: ainda sao 14:00hrs vai demorar muito...
Mica: vou ter q ir no banco pra pegar o dinheiro.
Renato: vc não vai conseguir levantar esse dinheiro todo hj.
Mica: é claro que eu vou!
Soph: vou com vc! Preciso me sentir útil.
Eles saem em direçao ao banco, ja era 14:30 e nada de serem atendidos. Sophia foi direto no caixa furando a fila e todo mundo de trás reclamou.
Soph: eu preciso ser atendida urgentemente.
Caixa: mas vc tem q esperar na fila senhora.
Soph: a minha filha ta sequestrada e eu to dependendo de vcs pra pagar o resgate, ela pode estar correndo risco de vida e vcs não estao nem ai?
O povo da gila agr apoiava Sophia, o  gerente do banco logo apareceu.
Gerente: o que esta acontecendo?
Mica: preciso retirar 1 milhão da minha conta.
Gerente: mas eu preciso de tempo pra movimentar essa quantidade de dinheiro.
Sophia segurou na gola da camisa dele e sacudiu.
Soph: é a minha filha!
Micael segurou Sophia.
Micael: calma Sophia.
Gerente: calma senhora
Soph: eu to cansada de td mundo me pedindo calma, a minha filha ta correndo perigo.
Gerente: hã?
Mica: nossa filha foi sequestrada. Preciso desse dinheiro.
Gerente: vou ver o q faço.
Ele entrou, e dai pra la foi td muito rápido, tds os gerentes se empenharam e todos iam falar e prestar solidariedade a Sophia, dentro de meia hora o dinheiro foi liberado em duas maletas. Ja eram 15hrs.
Mica: liga pro meu pai e manda ele ir pro local, não vai dar tempo de passar em casa.
Ligação on
Jorge: alo
Soph: Jorge, Mica falou pra o senhor ir la pra queimados. Que não vai dar tempo te ir ai
Jorge: ta bom filha, nós estamos indo e vamos ficar meio escondidos ok?
Soph: so aja quando for realmente seguro por favor.
Jorge: fica tranquila
Ligação off
O silencio reinou dentro do carro. O coração batia a mil por hora. Nenhum dos dois sabia o que poderia acontecer, nenhum dos dois sabia se ia dar certo. No olhar de Micael, preocupação e no olhar de Sophia, esperança.
A polícia estava indo pro local. Branca, Renato e Antônia ficaram em casa com a Lidi. Ninguém teve tempo de avisar ChaMel e LuAr.
Micael parou o carro um pouco distante. Esperou a polícia chegar.
Jorge: nós vamos cercar o lugar e vcs vão lá
Mica: amor tem certeza que quer ir?
Soph: claro que quero. Nem adianta querer me deixar de fora.
Jorge: vamos cerca, vcs podem ir.
Os policiais cercaram o lugar e SoMic foi pro terreno. La tinha muito mato. Mas acharam um lugar onde o mato era mais baixo. Foram ate lá, e lá estava o homem com Malu no colo.
Malu ria. Ela se divertia. Não dava pra negar, ele não fez nada de ruim com a minha pequena.
Ela me viu antes dele.
Malu: mamãeee - ela gritou, chamando a atenção do bandido pra nós.
Ela começou a esticar as mãozinhas me chamando. Aquela cena me fez chorar.
Malu: não chora mamãe.
Mica estava com as maletas, as colocou no chão e me abraçou.
Mica: vai ficar tudo bem - sussurrou ao ouvido da esposa. - vamos logo com isso.
João: coloca as maletas mais a frente que eu boto a Malu no chão.
E assim foi feito, Micael caminhou e há uns 10 passos deixou as maletas e voltou pra perto de sua esposa.
Soph: agr solta minha filha.
O homem caminhou ate as maletas e colocou a criança no chão. Malu se despediu dele com um beijo no rosto e se virou para os pais. Ele foi andando ate eles e Sophia a pegou no colo e a abraçou. João pegou o dinheiro e mesmo assim não aguentou o alivio da família. Ele sacou uma arma.
Mica: para, pra que vc vai fazer isso? Vc n ja conseguiu o dinheiro?
João: falta agr acabar com vcs.
Foi nessa hora que os policiais apareceram. Eram muitos e faziam um círculo.
João: quer dizer então que vcs iam me dar uma volta?
Jorge: abaixa essa arma.
João: eu entreguei a menina sem um arranhão e vcs fazem isso cmg?
Jorge: vc ouviu?
Nao adiantava, João continuava o monólogo de insatisfação. Até que...
João: eu vou preso de qualquer jeito, então qual a diferença???
Após essa fala, um tiro foi disparado de sua arma em direção a Malu e Sophia.
------------------------
Geente comentem aê pra eu postar outro.

8 comentários:

  1. João merece uma surra , protega a Soph e a Malu , quero maiss

    ResponderExcluir
  2. Proteja as duas pfvvv ,queroo mais

    ResponderExcluir
  3. Caah minha linda postar por favor eu to necessitada da sua web

    ResponderExcluir
  4. AI MEU DEUS, POSTA LOGO PELO AMOR DE DEUS.

    ResponderExcluir
  5. Continuaa pffff mais mais mais

    ResponderExcluir