Futuro Planejado - Capítulo 59

Dona Marga tinha decidido ir com a gente. A Julia iria depois de achar uma casa pra eles morarem.
Na saída daquela casa Michel tinha acertado alguns socos em Leonardo, mas ninguém se mexeu pra impedir acho que Micael merecia esse momento. Leo tinha decidido se entregar a polícia,  o que eu achava realmente mais prático e melhor pra ele.
Agora eu estava no ônibus com minha filha no colo que dormia tranquilamente depois de mamar e de ter sua fralda trocada. Meu marido estava sentado ao meu lado, estava emburrado e eu sabia que quando chegássemos em casa haveria muito o que eu ouvir. Dona Marga e a Filha estavam no banco detrás ao nosso. Júlia já iria começar sua procura hoje mesmo.
Já estávamos quase chegando.

- Vai ficar assim a viagem toda? - perguntei ao meu marido chateado
chateado.
- Só não tenho nada a dizer. - Ele disse sem olhar para mim.
- Tudo bem, em casa conversamos! - Eu disse séria.

Logo chegamos ao carro, e daí pra lá o caminho foi super rápido
rápido, eu estava exausta da viagem dé hoje é todos também pareciam
pareciam. Como já era tarde, Julia e a mãe passariam a noite lá em casa.

- fiquem a vontade. O quarto de hóspedes sempre está arrumado. - Eu disse após deixar elas no quarto e seguir para o meu. Onde encontrei Micael sozinho. Ao que parecia já tinha colocado nossa filha no berço.
- Clarinha já dormiu? - Perguntei puxando um assunto.
- Você tinha que falar daquele jeito com ele? - Começou a desabafar.
- Amor, eu não fiz nada!!
- Você tocou no rosto dele, disse que sempre o amou. Você falou isso pro cara que me manteve preso esse tempo todo!

Ele me parecia indignado então deixei que falasse

- Calma Mica, eu estava conversando com ele. Eu sempre soube que tinha sido ele.
- Você não tinha nada que ter falado daquele jeito Sophia! Eu me senti um otario ali.
- também não é pra tanto. Não fiz nada demais. Eu não queria brigas, convenci ele a se entregar, agora vamos viver em paz e esquecer a influência dele em nossas vidas
vidas.
- Garota, você me tira do sério. Como pôde perdoar ele?
- Nao Não perdoei ninguém. Só não vale conviver com ódio no coração. Faz mal pra gente. Vamos der felizes
felizes.

Me aproximei dele dei um selinho. Ele respirou fundo, fechou os olhos e pôs os dedos pressionando a jugular. Eu então beijei seu pescoço.

- Não quer ser feliz comigo? Não é bem melhor que ficar pensando em Leo?

Ele fez que sim com a cabeça e beijou minha testa.

- Você tem razão. Eu te amo muito. Só não tenho um coração tão bom quanto o seu.
- Natural você foi a vítima dele. - Beijei seu pescoço novamente e disse - Vamos tomar um banho. Deixa eu te fazer relaxar!

------------------
Gente eu ainda não estou com meu celular. Usei o da minha mãe rápidinho mas isso não é sempre possível. Já estou agoniada.
A menina que me pediu pra escrever fica também. Mande a prévia pro meu email por favor. Ou para o meu Facebook.
camila_soares_12@Hotmail.com

13 comentários:

  1. Continua!!!!!!! To morta de saudades 😩😩😩

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Finalmentee nao Aguentava esperar <3333 Espero que consiga um jeito de Postar Boa Sorte >< E Ja Mandei uma Previa pro seu Email camila_soares_12@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Continua Assim que der

    ResponderExcluir
  5. Aii o Mika nervosinho e com ciúmes e a coisa mais linda que tem, tomara que agora o Léo deixe eles em paz. Ta muito linda a web, continuaaaa

    ResponderExcluir
  6. Caah cadê vc?? Ta tudo bem? Aconteceu algo?

    ResponderExcluir
  7. Ei sumida, você ta bem ?

    ResponderExcluir