Futuro Planejado - Capitulo 72

O dia passou meio que arrastado.
Depois da nossa transa Micael voltou diferente pra sala. Quase não conversamos e eu apostava que era por que ele não estava totalmente certo do que queria.
Ás 14:30h eu já não aguentava mais aquele silêncio como se nada tivesse acontecido. Eu me levantei e parei de frente a sua mesa.



Soph: Será que nós podemos conversar? - Perguntei.
Mica: Sobre trabalho? - Disse sem levantar a cabeça.
Soph: Sobre o sexo que nós fizemos aqui, será que você pode parar de fingir que não aconteceu? - Disse um pouco alto.
Mica: Fale baixo, e dirija-se a minha por Senhor e não você, eu sou seu superior. - Disse sério e levantou a cabeça pra me olhar.

Eu ri, mas não ri baixo eu ri escandalosamente, eu gargalhei depois dessa que ele me disse, e não foi puramente debocha, foi por que foi engraçado de verdade. Ele continuava com a expressão séria.

Mica: Qual foi a graça.
Soph: Você é meu marido, você é pai da minha filha, você tem o mesmo número de ações que eu nessa bosta de empresa, enfim, você é VOCÊ! - Disse dando ênfase no pronome - Agora seja adulto e pare de fingir que nada aconteceu, você era mais gentil quando me obrigava a fazer sexo com você lá no começo do que está sendo hoje.
Mica: Eu nunca te obriguei a fazer sexo comigo - Deixou escapar um sorriso de lado.
Soph: Você sabe o que eu quis dizer.
Mica: Então diga Sophia, o que você tanto quer conversar? - Ele disse e respirou fundo, largando alguns papéis na mesa.
Soph: Por que você ta fingindo que nada aconteceu?
Mica: Porque nada mudou, porque eu ainda estou extremamente chateado com o que aconteceu e principalmente porque eu não quero que você confunda as coisas. Foi apenas sexo. - Bateu as mãos na mesa.
Soph: Eu pensei que você estava com saudades de mim.
Mica: Sim, eu estava, por isso que eu cedi, mas não deveria.
Soph: Micael, eu amo você! Vamos cortar essa parte do sofrimento.
Mica: Essa é a minha parte, é o meu momento. Você não me deixava te tocar, eu respeitei, agora por favor respeite o meu!
Soph: Eu pelo menos lhe disse o que tinha que fazer pra conseguir ficar comigo de novo, você simplesmente não diz nada. Já que prefere ficar com seu tempo, fique. Não vou mais correr atrás de você e espero que esse tempo passe antes que você me perca de vez, porque mesmo te amando não vou esperar você a vida inteira não.

Ele abaixou a cabeça e voltou a se concentrar nos papéis que antes tinha em mãos. Eu fui pra minha mesa e peguei minhas coisas, estava decidida iria embora daquela empresa e não botaria mais os pés aqui. Pelo canto do olho eu o vi me observando.

Soph: Tchau. - Disse e sai. - Meu pai ainda está? - Perguntei a Mariana.
Mari: Não, ele saiu faz umas meia hora.
Soph: Puts não acredito.
Léo: Que foi Soph? - Ele estava saindo pela porta e me viu ali plantada.
Soph: Meu pai que foi embora e me deixou, eu vim sem carro. Tô tomando coragem pra pegar um táxi.
Léo: Deixa que eu te levo, quer dizer se o Micael não implicar. - Ele disse e olhou pra trás.
Soph: Ele não tá com direito de implicar com nada. - Sorri - Eu aceito sua carona.

Nós fomos para o elevador e eu vi que e Micael nos viu sair juntos. Eu não tinha nenhuma intenção com o Leonardo, mas acho que ciumes seria uma ótima arma, já que eu tinha noção do quão ciumento ele é.

Léo: Me surpreendeu você aceitar minha carona. - Ele disse quando já estavamos dentro do carro em um silêncio absurdo.
Soph: Você é um amigo!
Léo: Você se separou mesmo? - Olhou pra mim.
Soph: Léo, nem tenta. O que tinha pra acontecer entre a gente já aconteceu e acabou.
Léo: Eu nem disse nada Soph.
Soph: Antes que diga, Eu aceitei porque precisava, não tenho segundas intenções com você. Eu amo o Micael.
Léo: Ok, desculpa.

E o silêncio mais uma vez dominou o carro. Enfim chegamos e nos despedimos formalmente. Entrei em casa e vi minha mãe sentada na sala com a clara no colo.

Branca: Já chegou filha?!
Soph: É mãe. Não fui tão bem sucedida quanto imaginei.
Branca: Ai filha, senta aqui com a mamãe.

Me sentei ao lado dela e abracei, Clara veio pro meu colo e me agarrou. Eu sentia algumas lagrimas descerem de mim.

Branca: Sabe o que eu acho?
Soph: Hum?
Branca: Acho que você deveria fazer uma viagem filha. Vai te fazer bem.
Soph: Uma viagem? Eu e a Clara?
Branca: Não, a Clara fica aqui, você e você, conhecer novas pessoas.
Soph: Ah mãe, não sei se quero ficar longe da minha menina. Ainda mais que daqui a duas semanas ela faz um aninho.
Branca: Vai, descansa, pensa. Uma semana. Quando voltar, a festinha dela vai ta pronta. Faltam duas semanas. Tira uma e meia de folga de tudo e de todos. Vai te fazer bem...
Soph: Hum, não sei...

-----------------------------------------
Pessoas, primeiramente Miiiiil desculpas por não estar postando frequentemente.
Segundo, Voltei a escrever do meu antigo jeito, pra ver se assim minha antiga inspiração volta e também por que é notavelmente mais fácil de escrever.
Volto a avisar que a Web ta no fim!
Beijos, obrigada meus amores!

20 comentários:

  1. Já está acabando? Meu Deus, cada dia mais vc se supera, tá perfeita a web, continuaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já esta acabando sim!!! Muitoo obrigada meu amor!!

      Excluir
  2. ainda ta escrevendo no wattpad Camila? ta muito boa sua web

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu até esqueci de lá do wattpad menina kkkk vou dar uma olhadinha lá de novo! Muito bom ver você por aqui. Saudades suas!

      Excluir
    2. kkkk saudades tb mulher kk dps te mando meu número kk so nn sei por onde kkk bjs

      Excluir
    3. Me envia por sei lá, facebook kkk

      Excluir
    4. Me envia por sei lá, facebook kkk

      Excluir
  3. Saudades desse jeito que você escreve, é bem melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Laís você também é uma visita inesperada! Não sabia que lia ainda e fico bem feliz ao saber que está aqui!
      Vou manter esse jeito de escrever, é mais facil!

      Excluir
    2. Não sou muito de comentar, mas enquanto você fizer fic eu vou ler❤️

      Excluir
    3. Awn que linda! Obrigada por estar sempre aqui ♥

      Excluir
  4. Respostas
    1. Eu tento, mas sempre acontece alguma coisa que me impede!!

      Excluir