Futuro Planejado - Capitulo 85

Soph: Mamãe também te ama demais pequena. - Abri os braços e ela veio me dar um abraço e um beijo na bochecha bem estalado. Eu a Apertei.

Clara: Aí mamãe, tô sem ar!
Soph: Ain é que eu tava com saudades de você!
Clara: Eu também mamãe, só que apertar  dói. - Ela disse e eu RI.
Soph: Então vamos tomar banho. - Ela sorriu e me deu a mão. A outra deu pro Micael. E nós fomos para o banheiro.
Demos banho nela, no começo reclamou que ardeu o machucado quando a água bateu, mas depois foi normal. Terminamos e Micael levou ela no colo até o quarto dela. Escolhi uma roupinha e a vesti.
Soph: Agora senta aí na cama que a mamãe vai passar remédio pro dodoi sarar.
Clara: Vai arder de novo?
Soph: Não filha, esse não vai...
Clara: Então tá bom!
Mica: Olha que dengo essa menina
Clara: Não sou dengo tá papai.
Mica: Claro que não é filha!
Sai e fui buscar o frasco do remédio. Passei no meu quarto e vi a Anny ali quietinha brincando com um urso qualquer. Voltei pro quarto da Clara e ele estava assoprando o machucado do joelho.
Soph: Que isso? Tá ardendo?
Clara: Tá mamãe! Um tantão assim - Ela abriu os braços.
Soph: Deixa mamãe passar o remédio que rapidinho para.
Clara: Mas mamãe!
Soph: Fica paradinha.
Abri o frasco e passei no machucado do joelho e no do braço. Ela ficou quietinha esperando arder e quando viu que não arderia sorriu.
Clara: Mamãe...
Soph: Oi fala.
Clara: Eu quero comer!
Soph: Vamos.
Mica: Agora é só mamãe né.
Soph: Ih Clara, tem algum com ciúmes!
Mica: Ah to mesmo tá, ninguém me chama pra comer.
Soph: ahh tadinho, vamos marido.
Nós levantamos e fomos pegar a Anny no quarto. Dessa vez Micael a pegou. Nos seguimos pra cozinha para jantar.
Clara comia com vontade, eu dava a Janta pra Anny antes de comer a minha mesma, Micael também comia.
Clara: Mamãe me dá também... Ati ó - Ela soltou a colher e apontou pra boca. Eu não sabia o que responder e vi Micael a olhar.
Mica: Filha...? - Clarinha o olhou.
Clara: Oi papai.
Mica: O que a gente conversou meu amor?
Clara: O que?
Mica: Que você era uma mocinha.
Clara: Mas papai, não quero ser mocinha...
Mica: Não? Tá vou te tratar como um bebê pra sempre então.
Clara: Não papai, eu vou crescer.
Mica: Então, o que você acha de ajudar a mamãe com a Anny?
Clara: Ajudar?
Mica: É filha. Já que é crescida já.
A vi descer da cadeira e vir se sentar no meu colo. Eu deixei e ela sorriu pra mim. Ela pegou um pouco da comida da Anny na colher e estendeu pra ela. Eu achei lindo, fiquei parada olhando com um sorriso no rosto.
Era incrível como Micael conseguia conversar e fazê-la entender as coisas. Ele havia nascido para ser pai, sem dúvidas nenhuma.
Clara: Viu mamãe, eu consigo! - Disse orgulhosa de si.
Soph: Vi meu amor! Linda!
Ficamos na mesa de jantar por um tempo. Felizes, como a família perfeita que éramos.
Depois fomos pra sala e vimos um filme que estava passando. É amava eles...

6 comentários:

  1. Aaaaaaah que perfeeeeeeeeeeiiito...
    Posta maiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiis pfv
    Bjsss Manu

    ResponderExcluir
  2. Qnd vai postar de novo?
    Estou mt curiosa pra saber.. Posta logo pfv, amo por demais a sua web😍
    Bjssss Manu

    ResponderExcluir