Nova Chance - Capitulo 21

Sophia acordou em um quarto branco sentindo muita dor em seu corpo, não se lembrava do que tinha acontecido antes. Uma mulher entrou em seu quarto.
Xxx: Olha quem finalmente acordou.

Soph: Quem é você e onde eu estou?
Xxx: Sou Luiza sua enfermeira. Você esta em um hospital.
Soph: há quanto tempo?
Luiza: Há dois dias, um senhor te deixou aqui desacordada, você tinha um corte profundo na testa e um braço quebrado.
Ela olhou para o seu braço esquerdo.
Soph: Como estou dormindo esse tempo todo?
Luiza: São os medicamentos.
Soph: E esse senhor não se identificou?
Luiza: Não, ele disse que havia encontrado a senhorita caida no chão...
Soph: Quando eu posso ir embora?
Luiza: Se algum vir buscar você, já esta de alta, mas caso contrario terá que ficar aqui mais alguns dias.
Soph: Então acho que terei que ficar aqui alguns dias.
Luiza: Não tem um telefone de parente nem nada.
Soph: Só tenho meu pai, e ao que parece foi ele que fez isso comigo.
Luiza: Não é possivel.
Soph só assentiu.
Soph: Será que tem como achar o telefone de pessoas que sejam ricas?
Luiza: Talvez, sabe nome e sobrenome?
Soph: Não, acho que só apelido... Mas procura por Micael Borges.
Luiza: Mas aquele que é filho do Jorge Borges?
Soph: Disso não sei. Ajuda se eu disser que ele estava pra se casar?
Luiza: Ahh claro, Ele é filho do dono desse hospital.
Soph arregalou os olhos.
Soph: O que eu estou fazendo aqui? Não tenho dinheiro pra pagar por isso.
Luiza: Calma sua conta foi paga assim que você entrou.
Soph: Ah foi?
Luiza: Sim...
Soph: Mas então você conhece o primo dele Chay?
Luiza: Hum, não. Mas não sei como te ajudar, o patrão nunca ta por aqui.
Soph: Preciso falar com ele.
Luiza: A secretaria do pai dele é minha amiga, vou ver se consigo arrumar o numero dele pra você
A enfermeira saiu do quarto e Soph olhou seu braço com o gesso, não acreditava que seu pai tinha chego a esse limite. Colocou a mão na testa e se lembrou que o corte tinha sido feito pela garrafa que estava com ele. Tremeu com a lembrança.
Em alguns minutos ela estava de volta sorrindo.
Luiza: Consegui... Aqui esta.
Entregou o papel com um numero.
Soph: Sem querer abusar, você pode me emprestar seu celular? É que eu não tenho.
Luiza: claro!
Ela pegou e discou, chamou uma, duas e na terceira ele atendeu.
Mica: Alô?
Soph: Micael?
Mica: Sophia, como você tem meu numero?
Soph: Isso não vem ao caso, preciso falar com o Chay. Você pode me dar o numero dele?
Mica: Posso sim mas...
Soph: Rapido Micael tô gastando o credito da enfermeira aqui..
Mica: Vou te retornar.
Ele desligou.
Luiza: E ai?
Soph: Disse que ia ligar.
Luiza: Ele não vai ligar, mas não fica triste.
Soph sentiu o celular vibrando e sorriu.
Soph: E então?
Mica: Pq você disse enfermeira.
Soph: Quero falar com o Chay.
Mica: Ele está aqui.
Soph: Ótimo.
Ele passou o telefone.
Chay: Sophia o que te aconteceu? Tem dois dias que você não vai.
Soph: Então estou no hospital, tenho um braço quebrado e uma sutura na testa.
Chay: Foi por causa de mim neh? Eu deveria ter dado um jeito Sophia.
Soph: Não se culpe. Será que você pode vir aqui só pra assinar a minha alta?
Chay: Qual o hospital?
Soph: O do pai do Micael.
Chay: Ta brincando? Nós estamos aqui.
Soph: Serio? Fazendo?
Chay: Ahh uma reunião com os futuros donos.
Soph: Tem como só assinar minha alta
Chay: Fala o quarto?
*Soph: Qual o quarto??
*Luiza: Ala 4 quarto 10.
Soph: Ala 4 e quarto 10.
Chay: Estou indo.
Eles desligaram.
Luiza: Estão vindo?
Soph: Só o Chay, o Micael não me interessa.
Luiza: Como não ele é o maior gatinho.
Soph: Que estava pra casar.
Luiza: Sim com a filha de outro sócio desse hospital.
Os dois entram como loucos na sala, tinham ido correndo.
Soph: Que susto.
Mica: O que te aconteceu?
Soph: O que você tem haver.
Mica olha pra enfermeira.
Mica: Deixa a gente a sós por favor?
Luiza: Sim senhor.
Chay: Sophia o que aquele homem fez?
Soph: Eu não lembro. Só sei que ele tinha uma garrafa na mão e...
Ela levou a mão até a sutura que estava coberta por um curativo.
Mica: você não vai voltar pra la.
Soph: Aham vou pra rua.
Mica: Vai pra minha casa.
SophiEd: Tá louco.
Mica: Minha mãe vai te ajudar. Seu pai é doente Sophia, vai acabar te matando. E com o meu pai eu me entendo, anda vamos.
Soph: Mas e a reunião?
Mica: Tava um saco mesmo!

11 comentários:

  1. Ahhhh ta perfeito. Caah, me chamo Rafaella, mas pode me chamar de Rafa. Eu nunca comentei seus imagines, mas leio todos que posta. Enfim... prazer ♡ poata Meu Professor também, please.

    By: Rafa ♥

    ResponderExcluir
  2. Ahh perfeito Mila (Mih whats)

    ResponderExcluir
  3. Perfeitoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo...posta ++++++++++

    ResponderExcluir