Nova Chance - Capitulo 6

Sophia: - Me leva de volta? 
Chay: - Levo. Mas antes nós precisamos conversar. O que é isso, Sophia?
Ele se referiu as marcas no rosto dela.

Sophia: - Já disse que não posso falar, Chay. Você ta complicando minha situação.
A voz dela estava carregada. Estava quase chorando.
Chay: - Você apanha?
Sophia: - Não. Eu que sou muito branca e qualquer coisa fico roxa. Não é nada demais. Só me leva embora.
Chay assentiu e se levantou, indo até a porta. Sophia se levantou e caminhou para fora do quarto. Quando ela passou na frente de Micael, ele deixou a cabeça tombar, observando o quadril dela se mover.
Chay: - Anda logo, Micael.
Eles saíram do motel e Chay levou Sophia de volta. No caminho, Micael se pegou olhando a prostituta. Teve pena dela. Quando pararam no ponto, ele retirou um dinheiro do bolso e entregou pra ela.
Sophia: - Não precisa. Eu não fiz nada.
Chay: - Leva. Eu te tirei daqui e gastei seu tempo.
Sophia: - Obrigada.
Chay: - Desculpa qualquer coisa.
Sophia: - Tudo bem. Tchau.
Chay: - Tchau. - Sophia desceu e deu de cara com Lily. A mulher a olhou com raiva. Sophia viu o carro preto de Chay partir e Lily se aproximar mais dela.
Lily: - Roubando meus clientes agora, Sophia?
Sophia: - Não roubei cliente nenhum.
Lily: - Roubou sim. O Micael é meu cliente desde que comecei a trabalhar aqui.
Sophia: - Não vi seu nome escrito nele em ligar nenhum. - Falou com um tom malicioso na voz.
Lily: - Você é uma puta.
Aquilo doeu no coração de Sophia, mas ela não desceu do salto.
Sophia: - Olha, você também.
Lily: - Da próxima vez que o Micael te chamar você não vai aceitar, pelo bem da nossa amizade.
Sophia: - Vou aceitar sim.
Lily: - Então esquece a nossa amizade.
Sophia: - Que amizade?! Nós nunca fomos amigas. Eu só fui simpática com você e você se amarrou em mim.
Lily: - Desgraçada.
Sophia: - Seus insultos não me atingem.
Lily: - Não eram pra atingir. - Sophia riu. - Se aceitar sair com o Micael de novo pode esperar que você vai ter um grande problema. Mas não sei porque estou com medo. Sou melhor que você e isso pode ser visto de longe.
Sophia: - É bom ser a melhor mesmo, porque essa é a vida. Os melhores e mais fortes sempre vencem.
Dizendo isso, Sophia se virou e saiu dali, sorrindo. Retirou do bolso o dinheiro que recebera de Chay e o contou. Era quatro vezes mais do que ela receberia em um programa. Iria devolver aquele dinheiro pra ele assim que o visse novamente. Minutos antes, dentro do carro, Chay observava Micael, que estava em silêncio desde que discutira com Sophia.
Chay: - O que achou dela?
Micael: - Bonita e gostosa pra caramba, mas meio pra frente ela, né? Achando que podia bater de frente comigo.
Chay: - Você acha que ela apanha?
Micael: - Pode ser. Mas que diferença isso faz? Ela continua sendo uma puta que é paga pra satisfazer os homens.
Chay: - Desisto de você. Chegamos.
Micael olhou pela janela. Estavam em sua casa.
Micael: - Não vai descer?
Chay: - Não. Quando você resolver agir como um homem, você me procura.
Micael: - Que isso, cara?
Chay: - Só to cansado. Desculpa.
Micael assentiu, saindo do carro. Suspirou, pensando na noute que poderia ter tido se Chay não tivesse resolvido conversar com a prostituta. Só de uma coisa ele tinha certeza: Nunca na sua vida conseguiria se apaixonar por uma mulher como aquela.

2 comentários:

  1. vish mika ta muito chato.....

    ResponderExcluir
  2. Kkkkk a vida da volta o mica vai ficar caidinho pela sophia adoro

    ResponderExcluir