Nova Chance - Capitulo 44

Na manhã seguinte Sophia acordou sozinha. Tateou a cama ainda de olhos fechados mais não encontrou o namorado. Só então abriu os olhos e foi para o banheiro, onde ele também não estava. Escovou os dentes, tomou banho e penteou os cabelos antes de descer. Na mesa do café, estavam Antônia, Jorge, e Chay.

Chay: Bom dia princesa!
Soph: Gente mas o que você faz aqui uma hora dessa da manhã?
Chay: Não pode ficar junto com o Micael um segundo que já pega essa mania feia dele de expulsar as visitar.
Ele diz olhando pra Antônia.
Antônia: Se acostume com o Chay, desde que ele aprendeu a andar ele vem pra cá.
Ela riu, ele a acompanhou junto com Sophia. Jorge deixou um sorrisinho escapar.
Jorge: Quando aprendeu a andar não amor, quando ela engatinhava já vinha. Sempre achei que ele teria um caso com o Micael.
Chay: Tá tio, forçou agora né.
Soph estranhou ouvir a voz de jorge assim tão descontraida, ele tinha brincado e havia chamado Antônia de amor.
Soph: Falando em Micael. Cadê?
Jorge: Chuta?
Soph: Dormindo?
Ele ri.
Jorge: Sim, pra variar essa manhã!
Chay: Tenho que ir acordar ele.
Soph: Tadinho Chay.
Chay: Esse é meu ritual. De todas as manhãs, depois que você veio pra cá ele ta se aproveitando, mas hoje não.
Ele levantou rindo da cadeira e subiu as escadas.
Soph: Como ele vai acordar o Micael?
Antônia deu de ombros.
Soph: Tadinho, ele deve estar cansado.
Jorge: Ele não faz nada Sophia. Como ele esta cansado?
Sophia se lembrou da noite anterior e sem perceber um sorriso escapou por seus labios.
Antônia: Tá sorrindo por que?
Sophia ficou meio sem graça.
Soph: Nada não, deixa eu ir ver o que aqueles dois estão aprontando.
Ela subiu correndo e Jorge encarou Antônia.
Jorge: Espero que ele tenha usado camisinha pelo menos.
Antônia riu mais não falou nada. No quarto, Micael estava sentado na cama e Chay ao seu lado.
Soph: Amor, você está bem?
Mica: Bom dia amor.
Chay: Claro que ele tá, se sobreviveu até hoje por que não estaria agora?
Mica: É amor, já estou acostumada com o fato do Chay me amar tanto que não aguenta viver longe de mim.
Soph: Ouu essa sou eu!
Chay: Aiii vai começar a melação, vou até terminar meu café.
Ele se levantou da cama e antes de sair ele olhou para Micael.
Chay: Mica, tu tem camisinha ai neh, pra qualquer coisa estar prevenido caso precise...
Sophia ficou vermelha na hora e Micael arremessou um travesseiro nele que saiu rindo.
Mica: Vermelhinha.
Soph: Corada.
Mica: Senta aqui comigo. - Ele deu palmadinhas no lugar ao seu lado e logo ela estava sentada. - Como esta se sentindo?
Soph: A respeito de?
Mica: Sophia, você não é ingenua.
Soph: Mas tenho vergonha de falar nesses assuntos.
Mica: Mas eu quero saber...
Soph suspirou e por fim falou.
Soph: Estou otima, foi uma noite maravilhosa, só não entendi por que você não estava lá comigo quando amanheceu.
Ela fingiu decepção.
Mica: Eu precisava dormir, e digamos que sou meio espaçoso na hora de dormir. Mas eu sai de lá já era umas 5 da manhã.
Soph: Tudo bem então... vamos descer?
Mica: Sim, vamos!
E antes de descer para o café o beijo de bom dia, mais apaixonado do que ontem e com certeza menos do que o de amanhã...

4 comentários: