Reviravolta - Capítulo 26

O barulho dos pratos fez todos olharem pra mim. Estava nervosa e não sabia muito o que fazer ou dizer. Os olhos dos meus pais eram de surpresa, mas os dele...

Uma fração de minuto se passou até que algum falasse alguma coisa e muito obviamente não fui eu que falei.

- Filha o que aconteceu? – Minha mãe foi para o meu lado desesperada, vendo se eu estava bem.
- Tô bem mãe. Escorregaram os pratos – Eu disse sem a mínima entonação na voz.
- Sophia você está pálida... – Ela estava se alterando, ficando preocupada.

Foi quando meu pai finalmente percebeu que ele tinha a mesma expressão que eu. Nós apenas nos encarávamos e a mulher ao seu lado estava curiosa ou com raiva, eu não estava num estado de espírito muito bom pra decifrar as expressões alheias.

- O que está acontecendo aqui?! – Meu pai perguntou já que ninguém falava nada.
- O que você está fazendo aqui? – Perguntei diretamente a ele.
- Acho que a mesma pergunta serve pra você e pra mim. – Ele falou ainda me fitando e sem soltar a mão da mulher.
- Eu moro aqui. – Levantei uma sobrancelha.
- Desde quando? – Debochou.
- Hoje, mas isso não importa. – Dei de ombros.
- Será que um dos dois pode me explicar de onde se conhecem? – Meu pai olhava diretamente pra mim esperando uma resposta.
- Qual o nome dele pai? – Rolei os olhos.
- Micael... – Ele pareceu pensar.
- E você tem coragem de perguntar quem é? – Debochei.
- Não pode ser! Sophia ele é meu contador! – Ele já estava se alterando.
- Olha, vejo que seguiu meu conselho. – Ignorei meu pai e voltei minha atenção a ele.
- É, mesmo você nunca tendo dado a mínima noticia eu fiz. – Ele tinha os olhos marejados, aposto que eu também.
- Você acha que foi por opção? – Suspirei.
- A Carta que você me enviou no dia seguinte foi bem explicativa. – Respirou fundo e desviou o olhar.
- Que carta? Micael, eu não tive tempo de nada. – Tentei explicar, mas ele não queria me ouvir.
- Chega vocês dois, eu queria um jantar em paz. O que passou, passou. – Meu pai se meteu e nós ficamos nos olhando. Eu voltei minha atenção ao meu pai.
- A culpa disso tudo é sua. Agora quer me obrigar a fazer isso.  – Eu gesticulei em volta. E pus o dedo em seu rosto, falando um pouco alto. – Você transformou a minha vida num inferno, poderia simplesmente ter me deixado, mas foi mais forte do que você né. Ninguém pode ser feliz se você não for.
- Sophia se acalma. – Minha mãe tentou me segurar, mas me soltei.
- Você ao invés de me ajudar nunca abriu a boca pra falar nada e agora me pede calma? – Gritei.
- Sophia, para de brigar com seus pais. Já se passaram cinco anos e você continua a mesma? – Ele sorriu.
- Você não sabe o que ele fez? – Falei rude, mas ainda sim sem ser muito grossa.
- Sophia, eu não acho que ele tenha que saber do que acontece na nossa família. – Meu pai falou baixo, parecia ter medo de algo.
- O que ele fez? – Me perguntou ignorando o que meu pai falou.
- Naquele dia quando eu cheguei em casa, minhas malas estavam prontas, minha passagem comprada e eu fui despachada pra nova Iorque sem nenhuma escolha. – Percebi que estava chorando, ele estava com a boca aberta, não parecia acreditar no que eu falava. A mulher ao seu lado se remexeu incomodada e finalmente falou alguma coisa.
- Vamos embora, o clima aqui está péssimo. – Ela puxou sua mão, mas ele soltou.
- Eu quero explicações Manu, não posso ir embora agora! – Falou firme.

Nossa atenção foi roubada pela Alycia que descia a escada chorando. Ela veio e parou a minha frente estendendo os bracinhos para que eu pudesse pegar ela no colo.

- Ô Meu amor, acordou foi?! – Passei a mão no rostinho dela. – Tá chorando por quê?
- Mamãe, ta uma gritaria... Eu tava lá sozinha. – Escondeu o rostinho no meu ombro.
- Tadinha amor, estávamos conversando só isso. – Expliquei e dei um beijo na cabeça dela.
- Como assim Mamãe? Você foi mãe?

18 comentários:

  1. Pelo amor cadê o bônus morrendo pra saber o que vai acontecer posta mais

    ResponderExcluir
  2. Como vc para nesses momentos ?? Quer me matar ??

    ResponderExcluir
  3. Se o Micael reparar a idade da Alycia acho que ele já desconfiaria de um pouco de coisas que aconteceu

    ResponderExcluir
  4. POSTAAA MAAAAAAAAIS*-*
    PELOOO AAMOOOOOOR

    ResponderExcluir
  5. Socorroooooooooo
    Continua

    ResponderExcluir
  6. Desesperada pelo próximo capitulo!

    ResponderExcluir
  7. Bônus pfv, está muito boa

    ResponderExcluir
  8. Deixa mika descobri q é filha dele

    ResponderExcluir
  9. Santa mãe de Deus, posta mais

    ResponderExcluir