Nova Chance - Capitulo 116

Maria: Eu não posso? Quem é você pra se meter na minha vida Lilian?
Soph: Vocês vão se casar? - Ela sorria - Ai que otimo. Parabens.
Ela abraçou a madastra.
Lily: Deixa de ser falsa Sophia.
Mica: para Lily.
Antônio chegou perto delas e deu um beijo na cabeça de Maria.

Antônio: Lily? Quanto tempo.
Ela arqueia uma sobrancelha.
Maria: Conhece minha filha amor?
Antônio: Sua filha?
Maria: Sim! A Lilian.
Lily: Sim, eu era amiga da Sophia, até ela roubar meu homem.
Mica: Eu nunca fui seu.
Maria: Isso é coisa que se diga no casamento deles minha filha?!
Soph: Deixa Maria, a inveja da sua filha não atinge minha felicidade.
Lily: Sophia, eu não quebro você aqui mesmo por que...
Mica: Por que eu não deixaria você encostar um dedo na minha esposa.
Lily: Francamente heim Micael. Grande esposa que você arrumou.
Mica: Realmente.
Lily: Sempre fez a mesma coisa que eu.
Mica: Obrigada, diferente de você que fazia por que é uma vagabunda.
Maria: Micael, você tá louco, não vou te deixar falar assim com a minha filha. Você namorou com ela e agora a trata assim.
Micael riu, um riso bem debochado.
Mica: Eu nunca namorei com ela.
Soph: Micael, para. Deixa isso pra lá.
Os olhos de Lily agora estavam apreensivos. Os de Antônio, cautelosos e os de Maria estavam curiosos.
Maria: Agora terminem de falar.
Antônio: Deixa isso pra lá.
Maria: Eu quero saber por que ele riu com deboche como se a minha filha não fosse digna de ter um namorado.
Mica: Por que ela é uma...
Soph: Vamos dar uma volta Micael. A Lily se quiser  conta pra mãe, não temos nada haver com isso!
Ela disse assim que o interrompeu. Pegou sua mão e saiu dali com o marido.
Maria: Você vai me explicar essa historia completa Lilian.
Antônio: Aqui não é hora. Olha o barraco.
Maria: Tudo bem, mais tarde. Esteja em casa.
E então Lily saiu e foi encontrar com as amigas.
Sophia e Micael continuaram com a recepção. Parecia que os convidados não acabavam.
A festa estava maravilhosamente perfeita, todos os convidado cumprimentavam os recém-casados e desejam muitas felicidades, se bem que isso nem era preciso, Sophia e Micael transbordavam felicidade... Eles estavam encantados com a festa, eles não se desgrudavam, estavam a cada segundo mais apaixonados, as alianças brilhavam em ambos os dedos, eles eram marido e mulher, a realização de um sonho.
A maioria já tinha falado com Sophia e Micael... E de repente, Laura estava indo na direção deles, ela ainda não tinha falado com eles... Sophia viu ela na igreja, ela tinha sentado no fundo, mesmo assim Sophia a viu... Mas eles ainda não tinham visto ela na festa.

--------------------------------------------
Gente o finalzinho desse capitulo foi escrito por uma nova amiga, já divulguei o blog dela aqui, é aquela que reescreveu Meu Professor. Clique Aqui para ver.
10 comentario = Bônus mais tarde.

11 comentários: